terça-feira, 20 de fevereiro de 2018

Relato: Luxúria de Lillith em Araguari-MG


Por Drakkar

Um feriado macabro chegou, mas é o carnaval! Dias de descanso para alguns escravos e esbornias para os mais alienados!Mas, de forma estranha e cheia de interrogações neste 2018, o Brasil parece estar em chamas e todos estão cansados das fanfarras do sistema opressor. Quem sabe esta tristeza aparente e revelada, comece a despertar este povo sodomizado pelas mentiras da igreja e seu governo corrupto fraudulento. Fadados, alguns filhos do caos se reuniram para iniciar este ano sombrio com um ritual extremo e obscuro, composto por: Catástrofe MG, Crucifyce MG, Araruta MG e Luxúria de Lillith GO na cidade de Araguari MG. Realmente, precisamos desta fronteira entre a arte e o esgoto massificador. Então, nós da L.D.L. saímos de uma Goiânia ensolarada, quente e cinzenta, com muitos viajantes para todos os lugares na rodoviária, temíamos algum atraso, mas, a viagem foi tranquila e pontual. Assim, logo percebemos a presença de dezenas de ‘hellbangers’ nas proximidades do local e pudemos chegar a tempo de iniciar o evento, expondo alguns ‘merchandise’ e conhecendo um pouco mais das bandas que ali se encontravam. Logo, sobe ao palco, a banda Crucifyce de Uberaba MG realizando um death/thrash muito pesado e marcante, levando os demônios para dentro do recinto rapidamente. Em seguida, o Catástrofe de Uberlândia MG leva o público aos gritos infernais e o calor toma dê conta do local. Realizando um thrash metal vociferado em português, trata-se de uma banda compromissada e muito pesada!  Subimos ao palco quase meia-noite, e mesmo na passagem de som, os vampiros não saíram do recinto, tornando o local ainda mais quente e infernal. Começamos um set list dividido em dois álbuns, iniciando com ‘A Volúpia Infernal’ de 2005 e encerrando com ‘Sucumbidos pela Carne’ de 2009. Fiquei realmente emocionado pela energia do público do triângulo mineiro ao saldar a arte destes álbuns ao vivo. As vozes ecoavam, e num coro sombrio, as frases e refrões deixaram os batedores de cabeça extasiados pela música black metal de Luxúria de Lillith. Por fim, sem muito atraso, sobe ao palco, Araruta de Araguari MG, uma banda de thrash metal, lembrando a velha guarda, como: Sodom, Slayer, Destruction pra fechar a noite no verdadeiro caos. Todos disseminaram seus contatos, fortaleceram suas fúrias sonoras e artísticas, entre produtores, motociclistas, bandas, hordas e legiões do metal extremo. A casa fica localizada num bairro residencial do município, porém, parece que a comunidade local gosta de ter uma casa de metal extrema nas proximidades. Assim, a noite de 10 de fevereiro de 2018, foi infernal encerrando na madrugada de domingo, e eu como sempre, o último a descansar, confraternizando com todos e esperando por mais um encontro das trevas! Hail Hellbangers!!!

Arkana e Filipe, fã que se deslocou de Franca-SP
 com a companheira para prestigiar o
 show da Luxúria de Lillith.

segunda-feira, 22 de janeiro de 2018

Womanöise Fest: Test (SP) + Deaf Kids (RJ) + Dögbite (DF) + Deadtrack (MG) + Black Beans (USA) no Porão Bar 11/03

É com muita honra que apresento-lhes o
 Womanöise  Fest
parceria insana deste site com o Porão Records Bar & Studio
que acontecerá no dia 11 de março de 2018 e as bandas se apresentaram pontualmente à partir das 17hs para comemorarmos os 6 anos de muito heavy metal do site Womanöise.
Estamos trazendo a NO HOPE TOUR do Test (SP) com o Deaf Kids (RJ), 
com os convidados especiais diretamente de Brasília, o Dögbite
mais o DeadTrack de Uberlândia e o trio punk/garage Black Beans.
Galera, ta muito bunito esse line-up.. 
E a entrada? Somente R$10 reais!




TEST
duo paulistano independente grind/death/doom/stoner metal
do chaos de SP, formado por João Kombi (ex-Are You God?) nas guitarras e vox e Barata (D.E.R.) na bateria,
 são nômades do Grindcore nacional que se apresentam por todo Brasil e também em festivais de grande porte em outros países, com o Obscene Extreme Fest (na America e no México), Maryland Deathfest nos EUA, SWR em Barroselas, Portugal, entre muitos outros...
Já passaram por diversos picos com tours pelo Estados Unidos, pela Europa, México, Argentina, Colômbia.

A banda destaca por tocarem em lugares incomuns, como na porta de shows com um gerador alimentado por uma Kombi, subúrbios, no meio da rua, e até ganharam um palco exclusivo na Virada Cultural em São Paulo, chamado "Palco TEST" evento anual de grande importância na cena paulista, pois abrange toda a cultura do nosso país.
Arabe Macabre, lançado em 2015
limitado em 500 cópias
em vinil transparente
O último lançamento do duo foi o Split com a banda espanhola Entröpiah, em março de 2017, contando com o Lado B num vinil de 7 polegadas.

A discografia conta com 2 álbuns de studio "Arabe Macabre" de 2012, lançado em formato de vinil,
e "Espécies", de 2015.

Lançaram sua primeira demo em 2010, entitulada "Jesus Doom", logo em 2011 lançaram 2 EP's "Carne Humana" (em formato de vinil, vermelho) e "M'boi Mirim".
Logo em seguida, lançaram o "Otomanos" Split com o D.E.R.  pela Cospe Fogo Produções, em formato de vinil de 7 polegadas.
Banda importante do cenário brasileiro, fazendo abertura de shows como King Diamong, Mayhem, Death DTA, Carcass, Brujeria, Napalm Death, Exodus, Obituary, Cripple Bastards, Sepultura, The Dillinger Scape Plan entre outros...

                                 

DEAF KIDS


punk/krust one-man-band fundado em 2010 por Douglas morador de Volta Redonda-RJ.
Em shows, Douglas convida Angu para o baixo e Mariano na bateria e é uma banda que se encaixa tanto no "som extremo" quanto no punk.

Split com o Timekiller do Arizona, UEA
lançado em vinil de 7 polegadas
Get Better Records e
 Primitive Future Records,
em 2015.






Com vocal e riffs fortes, é difícil o trio passar despercebido, levando um conceito niilista, questionando o bem estar do ser humano e sociedade "se você não consegue ver e sentir que está tudo se despedaçando, que tudo que lhe foi ensinado até hoje é baseado e/ou deturpado pelo seu ego e ganância, você não está vivendo, é apenas um morto vivo, um número."

A sua primeira demo foi gravada totalmente "DIY" (do it yourself - faça você mesmo),
e o seu primeiro EP "6 Heretic Anthems For The Deaf" (pela Raw Rec de Brasília-DF).
Lançaram em 2013 em fita K7 o single "Truth/Freedom" limitado em 100 cópias, pela Boue Records da França e no mesmo ano também lançaram em vinil "The Upper Hand LP" pela Raw Recs de Brasília, limitado em 500 cópias.
 Recentemente assinaram contrato com a gravadora Neurot Recordings dos Estados Unidos, fundada pelos membros da banda Neurosis.








DÖGBITE
 dirty punk trio direto de Brasília-DF
mescla de influências do punk,  heavy metal britânico ao hardcore escandinavo dos 80's.
Em novembro de 2015 gravaram o EP "Wild Dogs". 
Com nítidas influências de Motörhead, English Dogs,  Discharge, Anti-Cimex, Varukers, Tank e Inepsy.



DEADTRACK



quarteto niilista punk/krust de Uberlândia,
com riffs sujos.
LF gravou a primeira tape da banda em k7 "Helltape" em outubro de 2014, logo após, em 2015 gravou o EP "Antiutopia" no Caverna Estúdio.
Também em 2015 lançaram o EP "Nihil" pela Bomb Roar Recs.
Em 2016 divulgaram os singles "Shitting and Walking/Last Song", The Lab Sessions.



BLACK BEANS



trio Garage Punk do triângulo mineiro que trás influências do Garage Californiano, trazida pelo guitarrista e vocalista Kevin Cunningham juntamente com os uberlandenses Chelo Lion (Light Strucks) na bateria e Lucas "Carcass" nas guitarras e vox.
A banda apresentou suas músicas autorais durante todo o ano de 2017 e agora em fevereiro de 2018 serão lançadas pelo selo Tukhunaré Records.
O trio foi eleito pela revista como "um dos shows mais inconsequentes" em 2017.



Sobre os nossos parceiros:





Porão Records Bar & Studio:
um bar, studio de música e de Tattoo, ministrada pelo Luzmar (vulgo From Hell) há vários anos...onde rola e vai rolar muuuitos eventos de metal em 2018!













Cerveja Artesanal Boibeer: elixir dos deuses criada artesanalmente na cidade de Araguari-MG pelo agrônomo, psicultor e também professor, Wilson Boitrago.
Cerveja oficial patrocinadora do evento.






Collateral Handcrafted Effects: é uma marca de pedais de altíssima qualidade feitos à mão por Guilherme Collateral Fx, na cidade de Uberlândia-MG.
Marca criada em 2007,os pedais são feitos com carinho e componentes feitos pra durar e oferecer aos guitarristas de diversos estilos excelentes timbres.
A Collateral Handcrafted estará presente no evento.
https://www.facebook.com/CollateralFX/








Junkie Box: 
produtora de comunicação, Zines e eventos underground.
www.abandaquenuncaexistiu.blogspot.com.br

quarta-feira, 17 de janeiro de 2018

Porão Records Studio apresenta: Armum, Blaspherion, Egocentric Molecules 07/04

Mais uma parceria do Porão Records Bar com o site Womanöise, 
Inferno em MG  
é um evento que ocorrerá no dia 07 de Abril a partir das 18hs no bar Porão Records,
 situado na Rua Paranaguá, n665 no bairro Brasília, em Araguari-MG.
O headliner da noite será o Armum, banda goiana de death metal
Virá duas bandas direto do Rio de Janeiro, Blaspherion Egocentric Molecules 
e para fechar a noite a banda de Patos de Minas Murder Worship.


Line-Up:

Armum 




Armum é um trio death metal old school formado em 2011 pela baixista e atual vocalista da banda, Camila Andrade e Gesiel Coelho, ex-guitarrista e atual baterista e nas guitarras, Guilherme Aguiar (ex-Spiritual Carnage. ex-Mugo).
As influências mesclam em Krisiun, Nile, Cannibal Corpse...
Em 2012 lançaram seu primeiro single e também vídeo-clipe "Annihilation Of Mankind" e após isso, ocorreram algumas mudanças na formação da banda até a gravação da primeira demo "Infernal Domain", gravada e lançada em novembro de 2016 pela Sangue Frio Produções.
Lançaram o clipe "Battle of Armageddon" produzido pelo guitarrista Guilherme Aguiar em 2017, pela Sangue Frio Produções e Blastbeat Records.
Em setembro do ano passado, Armum passou pela Argentina com 3 datas marcadas, também com várias datas marcadas pelo Sul do país.

"Battle Armageddon"

Blaspherion 

death metal carioca, formado em 2004, lançando seu EP "Restus Corpus" gravado em 2017.

Egocentric Molecules

trio formado em 2008, thrash metal old school do Hell de Janeiro, com dois albuns de studio
"Revertere" lançado em 2011 e "Spheres of Cosmo" de 2015

Murder Worship

death metal trivial de Patos de Minas formada em 2011 lançando seu primeiro álbum "Hate Celebration" gravado em 2013.




segunda-feira, 15 de janeiro de 2018

Crossover and General Metal 21 17/02

A 21º Edição do Crossover and General Metal
acontecerá na sede do Motoclube Abutre's de Uberlândia
 no dia 17 de fevereiro às 18hs.
A entrada será gratuita, venha prestigiar o Underground.


Sede Abutre's Uberlândia: Rua Ceará nº730 - Bairro: Nossa Senhora das Graças.


Bandas:


Saint Gore
duo lapidado no chaos do thrash metal de Araguari;

Araruta
thrash metal formado por 4 garotos do cerrado de Amanhece;

Crucifyce 
death metal uberabense contando com uma frontwoman;

segunda-feira, 8 de janeiro de 2018

Luxúria de Lillith pela primeira vez em Araguari 10/02

Primeira matéria do site em 2018 e eu não poderia deixar de comentar sobre esse role que vai acontecer no Porão Records Studio e Bar.

Drakkar (vocal/bateria)
Arkana (baixo/vocal)
Visceratum (guitarra)

A horda goiana Luxúria de Lillith vem pela primeira vez nas terras do Triângulo Mineiro profanar o Black Metal no sábado de karnaval, dia 10 de fevereiro às 20hs.

Fundada por Alysson Drakkar, estão ativos desde 1998 contando com 4 álbuns de studio, 2 lives, várias demos e um EP. Seu ultimo lançamento foi "Lilitus", uma produção independente lançada em 2016.
Cantado em português, suas letras abordam temas ocultistas, vampirísticos e sobre fenômenos paranormais, toda performática e polemica, a banda se destaca no black metal brasileiro.

"Lilitus"

O trio voltou recentemente da Europa com 10 shows marcados, circulando por Portugal, República Checa, Alemanha, Inglaterra, Holanda, Itália e Suiça, convidados pela Ripping Dead Booking Agency da cidade de Berlin, Alemanha.


As bandas de abertura será nossos conterrâneos de Araguari, Araruta, lá do distrito do Amanhece (sim, Amanhece é thrash metal!!!), BloodGrave (death metal) de Uberaba e a banda uberlandense Catástofre (thrash metal).


Porão Bar fica situado na Rua Paranaguá, n665 no bairro Brasília.
Ingresso:R$10.

Sobre as bandas de abertura:

Crucifyce: death metal uberabense com uma frontwoman

Araruta: lost boys de Amanhece, gritando o thrash metal

Catástrofe: thrash metal de Uberlândia




Tem mais matéria no site sobre a horda Luxúria de Lillith, confira:
http://www.womanoise.com/2017/08/luxuria-de-lillith-o-metal-extremo-de.html

quinta-feira, 9 de novembro de 2017

Acidez (México) no Hard Chaos Fest

Pela primeira no Brasil,
 a banda mexicana de punk/thrash ACIDEZ toca no Hard Chaos Fest em Brasília-DF.
Na turnê "Brazilian Callejers Tour 2017",
 os mexicanos vão rodar passando por diversos picos em SP, Paraná, Hellcife, SC e RJ.


Acidez foi fundado nas cidades de Guadalajara/Zapopan em Jalisco no México em 2003,
 por Karl Oi!, Rodo, Näuj e Soti.
Hoje a formação continua a mesma, com a excessão do vox, que agora é o Tupa.
O lançamento mais recente é um Split com a banda de Los Angeles Total Chaos entitulado como "Revolution Has No Borders" pela Bambam Records gravado em julho deste ano.




Acidez já está no seu 4º álbum de estúdio
 "Welcome to the 3D Era" lançado em março de 2016 pela
  Voltage Records.

 Contém 1 EP, mais 2 Splits,
  com o The Angst da Florida "Deadly Dose/Dosis Mortal" em 2010 e o outro com a banda Malignant Tumour da República Checa "Nación de metaleros/Forajidos del Rock'n'Roll" em 2014.







Bandas de abertura:


DÖGBITE
 mescla de influências do punk,
 heavy metal britânico ao hardcore escandinavo dos 80's.
Em novembro de 2015 gravaram o CD "Wild Dogs".
Com nítidas influências de Motörhead, English Dogs,
 Discharge, Anti-Cimex, Varukers, Tank e Inepsy.
https://youtu.be/J1e48_8FLVM


OS MALTRAPILHOS
punk rock formado em 90's nutrido pela revolta manifestada
 pelo ódio contra o atrofiamento da racionalidade humana
 reproduzida pelos sintomas enfermos da demência social.
https://www.youtube.com/watch?v=RsIasRmrTVI


A.R.D.
(After of the Radioactive Destruction)
hardcore dos 80's nascido em Gama-DF com letras em  inglês,
 espanhol, português e alemão que  falam sobre a defesa
 do meio-ambiente, problemas sócio-políticos e anti-guerra.
https://www.youtube.com/watch?v=PdEJRUNM1rY




Blasphemy: Brazilian Ritual Fifth Attack


quarta-feira, 8 de novembro de 2017

Kommander of Kaos Fest em Brasília-DF


Nesse fim de semana, dia 11/11 vai rolar o
 Kommander of Kaos Festival em Brasília,
no Aruc (Cruzeiro Velho) a partir das 17hs.
O fest contará com 8 bandas com estilos mesclados de speed metal, punx, krust, grind, horrorpunk.

"A única maneira de sentir o ruído é quando é bom e alto!"




Line-up:





ARMA

Pela primeira vez na capital, o trio paulista/cariocx do Arma
 vem trazer o seu "satanik rock'n'roll" cru, sujo e rápido nas terras candangas.







BLACK SKULL 

Speed Heavy Metal insano de Brasília formado em 2008, e em 2012 lançaram o álbum "Death Deal" pela Kill Again Records.

https://www.youtube.com/watch?v=RpZhFxPgiZQ






DÖGBITE

Dirty boys de la capital,  tocando punx n'roll formado em 2013.










CRÜELDÄDE

D-Beat Horrorcore Favela formado em 2016.
https://youtu.be/FUp3rGoLopE









EVIL CORPSE

thrash metal sem frescura
 de Águas Lindas (Brasília) formado em 2014
https://www.youtube.com/watch?v=OBCTHmb5PHo









https://www.youtube.com/watch?v=nFoxn4TCfDs

DESASTRE

Metalpunx de Goiânia formado em 96'









DEATH SLAM

Krust Grindcore lendário de Brasília formado nos anos 90.
https://youtu.be/m4FfSnwbGA0









REV RAPTOR

speed thrash de Samambay Area (DF)
desde 2016.